Serra Talhada

Serra Talhada divulga programação de mais uma edição do Tributo a Virgulino

A Fundação Cabras de Lampião, localizada em Serra Talhada, no Sertão de Pernambuco, está nos preparativos para a realização de mais uma edição do festival multilinguagens Tributo a Virgolino – A Celebração do Cangaço. Evento que será realizado de sexta-feira (5) a domingo (7) e vai contar com música, teatro, dança, fotografia, literatura, artesanato e gastronomia.

O festival teve a sua primeira edição em 1993. As apresentações, em 2024, serão realizadas em três locais: o Quintal do Museu do Cangaço, o Espaço Cangaço Fitness e o Sítio Passagem das Pedras.

O evento também contará com barracas com comidas regionais e artesanatos. O objetivo do tributo é celebrar o nascimento de Virgolino Ferreira da Silva, o Lampião.

Confira a programação

QUINTAL DO MUSEU DO CANGAÇO

Sexta-feira (5)
21h – Música sertão
Coco Trupé de Arcoverde
George Silva

Sábado (6)
10h – Ritmos sertão de danças.
Sertão Latino – Serra Talhada.
Ponto de Cultura Herdeiros do Xaxado – Serra Talhada.
Grupo Cultural Sanfonar – Afogados da Ingazeira.
15h – Ritmos sertão de danças.
Grupo Filhos do Sol – Iguaracy.
Ponto de Cultura Mistura Pernambucano – Serra Talhada.
Companhia Soul Dance – Salgueiro.
21h Música sertão
Assisão
Grudinho e Trio The Grud’s

Dia 07/07 – Domingo
09h Celebração do Cangaço, com a participação de grupos da cultura popular
Ritmos sertão de danças.
Bacamarteiros do Pajeú – Serra Talhada.
Zé do Pife – São José do Egito.
Ponto de Cultura Cabras de Lampião – Serra Talhada.
Ponto de Cultura Gilvan Santos – Serra Talhada.
Ponto de Cultura Xaxado Zabelê – Serra Talhada.
Grupo Cangaceiros de Vila Bela – – Serra Talhada.
Grupo Arte e Movimento – – Serra Talhada.
Ponto de Cultura Capoeira Muzenza – Serra Talhada.
Toré da Jurema Encantada – Comunidade Quilombola dos índios Pretos – Serra Talhada.
Grupo São Gonçalo – Varzinha – Serra Talhada.

ESPAÇO CANGAÇO FITNESS

Sábado (6)
09h às 17h Oficina Brincanças
Vivência de artes cênicas e cultura popular. Ministrada por Bruna Florie.
Público-alvo: crianças e pré-adolescentes, de 6 a 12 anos.

SÍTIO PASSAGEM DAS PEDRAS

(Horários devem ser agendados no Museu do Cangaço)
Rota nas pegadas de Lampião
Roteiro: PEDRAS DA EMBOSCADA onde aconteceu o primeiro confronto armado entre os irmãos Ferreiras (família de Lampião) e Zé Saturnino (primeiro inimigo). Ruínas da antiga casa-grande da FAZENDA PEDREIRA, pertencente a Zé Saturnino.

Deixe seu comentário